Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter

Candidato da oposição do Palmeiras rebate fala de Galiotte e exalta Paulistão

'Infelizmente, nosso atual presidente não tem estatura para ocupar a cadeira que está', declara Genaro Marino

Estadão Conteúdo

20 Outubro 2018 | 21h54

Candidato da oposição à presidência do Palmeiras, Genaro Marino respondeu publicamente neste sábado ao atual mandatário do clube, Maurício Galiotte, após este reafirmar que o Campeonato Paulista é 'pequeno'. Nas redes sociais, Marino atacou o adversário e exaltou a grandeza da competição.

"Ao dizer que o Campeonato Paulista é 'pequeno', Maurício Galiotte mostrou mais uma vez que não conhece a história do Palmeiras. Algumas das nossas maiores glórias foram o que ele agora chama de 'Paulistinha'. Ou ele se esqueceu do tamanho da vitória sobre nossos rivais em 1993? Ou do ataque de 100 gols, em 1996? Ou do gol de Ronaldo, em 1974?", questionou o opositor em suas redes sociais.

"Infelizmente, nosso atual presidente não tem estatura para ocupar a cadeira que está nem tem a dimensão do que pensa o nosso torcedor. Queremos sim a Libertadores, o Mundial, o Brasileiro. Independentemente do absurdo da final deste ano, queremos ganhar o Paulista também. Desmerecer o Maior Estadual do país, taça que já levantamos 22 vezes, é desmerecer nosso passado e nossos heróis", completou.

O atual mandatário do Palmeiras afirmou na última sexta-feira que não enviará representantes para o Conselho Técnico que discutirá os detalhes do Paulistão de 2019. A atual administração do clube está rompida com a Federação Paulista de Futebol (FPF) desde a final do campeonato deste ano, perdida para o Corinthians. Na ocasião, Galiotte chegou a chamar a competição de "Paulistinha".

Genaro Marino é o primeiro vice-presidente da gestão de Maurício Galiotte. Mas, assim como os outros três vices, rompeu com o atual presidente e passou a liderar a oposição na eleição presidencial que será disputada em 24 de novembro.

Enquanto Galiotte tem o apoio da patrocinadora e conselheira do clube, Leila Pereira, Genaro encabeça a chapa que tem o suporte do ex-presidente Paulo Nobre e também da ala ligada a Mustafá Contursi, que segue tendo influência dentro do clube paulista.

A chapa Avanti Palmeiras é composto por Genaro Marino, como candidato à presidência, e os vices José Carlos Tomaselli, Ricardo Galassi, Luis Fronterotta e Guilherme Pereira. A chapa Palmeiras do Futuro, da situação, tenta a reeleição de Maurício Galiotte tentando, com os vices Paulo Roberto Buosi, Decio Perin, Alexandre Zanotta e José Eduardo Caliari.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.