Caniggia anuncia sua aposentadoria

O atacante argentino Claudio Caniggia resolveu parar de jogar. Aos 38 anos, ele disse estar em boa forma - estava atuando no futebol do Catar -, mas acredita que chegou a hora de se aposentar. ?Tive algumas ofertas, mas nenhuma me convenceu. Estou bem fisicamente e treino todos os dias, mas decidi não jogar mais futebol?, afirmou o carrasco da seleção brasileira na Copa do Mundo de 1990, na Itália.Caniggia começou a carreira no River Plate, em 1985. Em seu país, jogou também no Boca Juniors, ao lado de Maradona. E esteve ainda no Benfica (Portugal), no Glasgow Rangers (Escócia) e na Roma, Verona e Atalanta (todos da Itália).Na seleção argentina, Caniggia disputou três Copas. A melhor participação foi em 90, quando fez o gol que eliminou o Brasil e chegou ao vice-campeonato mundial. Esteve também em 94, nos Estados Unidos, e em 2002, na Coréia/Japão. Segundo ele, sua grande recordação do futebol é o fato de ter jogado ao lado de Maradona: ?O melhor de todos os tempos?.Ainda em dúvida sobre em qual país irá viver, Caniggia espera que lhe organizem uma partida de despedida do futebol. De preferência, defendendo a seleção argentina.

Agencia Estado,

19 de fevereiro de 2005 | 11h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.