Cansaço segue atormentando o Fluminense

O cansaço é o principal temor do Fluminense, nesta segunda-feira, contra o Brasiliense, às 20h30, em Volta Redonda, na partida remarcada da 20ª rodada do Campeonato Brasileiro, anulada por causa do escândalo da ?Máfia do Apito?. O time carioca está enfrentando uma maratona de jogos por causa da disputa simultânea do Nacional e da Copa Sul-Americana. Por causa do grande número de partidas em um curto espaço de tempo, o técnico do Fluminense, Abel Braga, já começou a fazer um rodízio de atletas. Contra o time paulista, o lateral-direito Gabriel foi poupado. Nesta segunda, ele retorna à equipe. Outra mudança na zaga será a volta de Milton do Ó, que cumpriu suspensão. Recuperado de contusão muscular, provocada pelo excesso de partidas, o atacante Leandro tem condições de ser escalado, mas o técnico do Fluminense ainda não revelou se vai usá-lo desde o início do confronto contra o time do Distrito Federal. Se ele não atuar, Lenny permanecerá na equipe, já que Beto também está machucado. A derrota do Internacional e o empate do Palmeiras, no sábado, deixaram Braga animado. Os dois times brigam com o Fluminense por uma vaga na Copa Libertadores da América. Na tabela de classificação do Brasileiro, o clube carioca é o quarto com 55 pontos, seguido pelo time paulista, com 54. Já a equipe gaúcha é a terceira, com 56. Quanto ao Corinthians, o líder com 11 pontos de vantagem sobre os cariocas, Braga foi enfático. ?Quero continuar brigando pela vaga na Libertadores. Mas tenho que acreditar também no título do Campeonato Brasileiro. São 30 pontos para disputar e muita coisa pela frente?, afirmou.

Agencia Estado,

23 de outubro de 2005 | 16h09

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.