Capitão japonês está orgulhoso da campanha na Copa

O capitão da seleção japonesa, Makoto Hasebe, afirmou nesta quarta-feira que está orgulhoso da campanha da equipe asiática na Copa do Mundo da África do Sul. O Japão foi eliminado nas oitavas de final da competição pelo Paraguai na disputa de pênaltis por 5 a 3, após os dois times terem empatados em 1 a 1 no tempo normal.

AE-AP, Agência Estado

30 de junho de 2010 | 18h45

Foi a melhor campanha dos japoneses em um Mundial disputado fora da Ásia. Na Copa do Mundo realizada no Japão e na Coreia do Sul, em 2002, a seleção, que foi uma das anfitriãs da competição, passou da primeira fase, mas foi derrotada na primeiro jogo eliminatório pela Turquia por 1 a 0.

"Apesar da derrota, demonstramos ao mundo o que podemos fazer. É claro que estou decepcionado, pois trabalhamos duro para chegarmos às oitavas de final e estávamos perto de fazer história", lamentou o jogador.

Na primeira fase deste Mundial, o Japão surpreendeu o Camarões por 1 a 0, perdeu para a poderosa Holanda pelo mesmo placar e venceu bem a Dinamarca por 3 a 1.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa 2010futebolJapãoParaguai

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.