Capitão japonês pede confiança para superar Dinamarca

A derrota para a Holanda por 1 a 0, no sábado, ainda não foi bem aceita pelos jogadores japoneses. Mas apesar do clima de decepção, o capitão da equipe, Makoto Hasebe, afirmou que seus companheiros precisarão recuperar a confiança para enfrentar a Dinamarca, quinta-feira, em Rustemburgo.

AE, Agência Estado

22 de junho de 2010 | 10h04

"Estamos ainda todos desapontados com a derrota para a Holanda, mas o resultado da Dinamarca (vitória sobre Camarões por 2 a 1) não foi ruim. Precisamos entrar nesse jogo decisivo com confiança", avaliou o volante do Wolfsburg. Um empate com a Dinamarca garante os japoneses nas oitavas.

Segundo contou Hasebe, o técnico Takeshi Okada exigiu que os jogadores não desperdicem a oportunidade. "O técnico nos disse que você tem poucas oportunidades na vida como esta, de avançar às oitavas de um Mundial. Ele pediu para fazermos o máximo dentro de campo", revelou.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa 2010futebolJapãoHasebe

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.