Capivariano vence Guarani e sobe para a elite paulista

Título garante a equipe na Copa do Brasil do ano que vem

Agência Estado

30 de março de 2014 | 19h25

CAMPINAS - Com duas rodadas de antecedência, o Capivariano conquistou o acesso inédito para a elite do futebol estadual em 2015, quando vai participar pela primeira vez do Paulistão. A vaga foi assegurada após a vitória, por 2 a 1, de virada, em cima do Guarani, no Estádio Municipal de Paulínia, neste domingo à tarde, pela 17.ª rodada. O caçulinha da Série A1 agora promete buscar o título da Série A2, o que lhe garantiria uma vaga na Copa do Brasil.

Com 47 pontos e na liderança isolada, o Capivariano ficará, no mínimo, entre os quatro melhores. O vice-líder é o Red Bull, com 34 pontos, seguido por São Bento, com 31, e Marília, com 30 pontos. O Mirassol, com 30, e o Santo André, com 29 pontos, ainda têm chances de brigar pelo acesso.

E o Capivariano vai ter dois jogos para somar três pontos. Na penúltima rodada, sábado, em Rio Claro, vai enfrentar o Velo Clube e na última rodada, domingo, dia 13 de abril, vai receber o Itapirense.

Ano passado, o modesto Capivariano, com uma folha de pagamento pequena, só não subiu porque perdeu a vaga no saldo de gols para o Comercial, que conseguiu um resultado surpreendente ao golear a Portuguesa por 7 a 0. A diretoria manteve o trabalho, o time ganhou apoio do prefeito Rodrigo Proença (PPS) para ampliar o estádio e o time fez sua parte em campo.

Neste domingo, a torcida festejou muito em Paulínia e depois na praça central de Capivari. Mas o time começou mal, sofreu um gol do Guarani, de cabeça, de Eduardo Eré, que desperdiçou mais três ou quatro chances reais de gol. Mesmo assim, Silas empatou, de cabeça, nos acréscimos. No segundo tempo, porém, após a bronca do técnico Evaristo Piza, o Capivariano virou com gol de Rodolfo, aos 43 minutos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.