Instagram
Instagram

Carille anuncia que treinará time da segunda divisão do Japão após deixar o Athletico-PR

Treinador confirma acerto com o V-Varen Nagasaki e fez elogios ao país: 'Animado demais para realizar um sonho'

Redação, Estadão Conteúdo

12 de junho de 2022 | 11h34

Demitido do Athletico Paranaense ainda no início da temporada, o técnico Fábio Carille anunciou neste domingo que trabalhará mais uma vez fora do Brasil. O treinador de 48 anos acertou com o V-Varen Nagasaki, do Japão, e o anúncio foi feito pelo próprio Carille em seu Instagram. A equipe ocupa atualmente a quinta posição na Segunda Divisão do futebol japonês e estaria classificada para o play-off de acesso.

"Novo desafio em minha vida e carreira. Agora eu e minha comissão técnica vamos nos juntar ao grande projeto do V-Varen Nagasaki. Agradeço aos amigos Koichi, Demetrios e meus empresários pela condução de tudo. Animado demais para realizar um sonho de trabalhar em um país tão bacana como o Japão. Vamos com muita alegria e vontade de trabalhar", publicou o treinador.

Diversos treinadores do futebol brasileiro e ex-jogadores que trabalharam com Carille desejaram boa sorte ao treinador na postagem, como Pedro Rocha, Alex, do São Paulo, Mauro Silva e Marcelo Fernandes.

Carille já havia tido experiência na Ásia em 2020, quando assumiu o comando do Al-Ittihad, da Arábia Saudita, onde também comandou o Al-Wehda em 2018. Recentemente, o treinador fechou a temporada 2021 no comando do Santos, mas deixou o clube ainda durante o estadual.

No Athletico Paranaense, Carille teve apenas sete jogos antes de uma contestada demissão. O treinador foi campeão brasileiro pelo Corinthians em 2017, surgindo como substituto de Tite no clube paulista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.