Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Carille comanda treino na Arena Corinthians e conta com retorno de Bruno Méndez

Time trabalhou em seu estádio a pedido de alguns jogadores; atividade foi fechada aos jornalistas

Redação, O Estado de S.Paulo

14 de agosto de 2019 | 19h35

O técnico Fábio Carille comandou nesta quarta-feira treino na Arena Corinthians. O trabalho foi fechado para os jornalistas e, de acordo com a assessoria de imprensa do clube, contou com o retorno do zagueiro Bruno Méndez, que disputou os Jogos Pan-Americanos pela seleção uruguaia.

A mudança de local de treinamento foi um pedido de jogadores que chegaram recentemente, que têm encontrado dificuldades de jogar em Itaquera. O time tem a semana cheia para trabalhar e volta a campo no sábado, às 17h, quando receberá o Botafogo, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. 

Para a partida, o treinador não terá o goleiro Cássio e o lateral-esquerdo Danilo Avelar, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. A primeira parte do trabalho na arena, segundo nota publicada no site do Corinthians, foi dedicada ao treino de passe e finalização, além de jogadas trabalhadas envolvendo jogadores de defesa e ataque. Da metade para o fim, a comissão técnica destinou o tempo para treinamento tático, de posicionamento, alternando peças das duas equipes em espaço reduzido.

Na quinta e na sexta-feira, o elenco volta a treinar no CT Joaquim Grava para fechar a preparação. A tendência é que Carille mande a campo o Corinthians com a seguinte escalação: Walter; Fagner, Manoel, Gil e Carlos Augusto; Gabriel, Junior Urso e Sornoza (Mateus Vital); Pedrinho, Vagner Love e Clayson. 

O Corinthians vem de empate sem gols com o Internacional, fora de casa, na última rodada. O time alvinegro ocupa atualmente a sexta colocação na tabela do Campeonato Brasileiro, com 24 pontos, a oito de distância do líder Santos.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.