Nilton Fukuda/Estadão
Nilton Fukuda/Estadão

Carille festeja chances criadas pelo Corinthians, mas pede melhora no passe

Técnico pede maior atenção e acredita que a vitória poderia ter sido conquistada com maior facilidade

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

22 de junho de 2017 | 22h11

O Corinthians venceu o Bahia por 3 a 0 nesta quinta-feira, na Arena Corinthians, mas o resultado não mostra exatamente o que foi a partida. O time alvinegro teve dificuldades e chegou a passar apuros até deslanchar e garantir mais uma vitória em casa. Ao final da partida, o técnico Fábio Carille deixou claro não ter ficado satisfeito pelo excesso de erros de passes e pede melhora para as próximas partidas.

“Voltamos a errar muito em relação ao passe. A gente entregava logo a bola para o Bahia, que só não conseguiu infiltrar tanto, porque nosso sistema defensivo estava bem organizado. Mas deveríamos ter ficado mais com a bola e por isso entendo que poderíamos ter jogado melhor”, analisou o comandante corintiano.

Apesar da crítica, o treinador aprovou o fato do time ter aproveitado as poucas oportunidades criadas ao longo da partida. “Poderia ter sido mais. A gente errou muito depois de roubar a bola, mas fico feliz por ter criado tanto”, disse Carille, que completa 22 jogos de invencibilidade na temporada.

Os jogadores destacaram a força demonstrada para superar a ofensividade do rival. O zagueiro Balbuena, autor do segundo gol, destacou o rendimento da equipe. “A gente está fazendo um bom trabalho no nosso campo e isso é importante. O rendimento foi alto e agora é pensar e pensar no jogo de domingo (contra o Grêmio)”, comentou.

Pablo, companheiro de zaga de Balbuena, ressaltou o resultado positivo. “O importante é manter a regularidade em um campeonato tão longo. Se mantivermos isso, poderemos ser campeões”.

O embalado Corinthians volta a campo no domingo pelo Brasileirão para enfrentar o Grêmio, em Porto Alegre, naquele que muitos torcedores e jornalistas apontam como uma “final”, já que colocará frente a frente os dois primeiros colocados do Campeonato Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.