Daniel Teixeira/ Estadão
Daniel Teixeira/ Estadão

Carille nega férias antecipadas para titulares do Corinthians

Técnico quer manter todo o elenco até o dia 2 de dezembro

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

20 Novembro 2017 | 17h42

A conquista antecipada do título não será motivo para o técnico Fábio Carille adiantar as férias dos jogadores no Corinthians. O treinador avisou que os atletas vão ter o descanso só após o término do Campeonato Brasileiro e pretende contar com todos nos treinamentos até a última rodada.

+ Carille confirma Danilo no Corinthians em 2018 e desconversa sobre reforços

"Um mês de férias é suficiente. Se tirarmos os jogadores antes, eles teriam que voltar antes também e ficaria complicado. Todos ficarão conosco até o dia 2, pelo menos. As férias começando dia 4, eles voltam no dia 3 de janeiro. Dá os 30 dias garantidos por lei", explicou.

O fato de manter todo o elenco até o fim do campeonato não significa que Carille irá usar força máxima. Contra o Flamengo, por exemplo, já poupou alguns jogadores, alegando cansaço. Fagner, Rodriguinho, Guilherme Arana e o meia Jadson não entraram em campo.

+ Campeão brasileiro, Corinthians põe em marcha suas mudanças para 2018

Para o jogo com o Atlético-MG, domingo, a tendência é que todos joguem, já que será a partida em que a CBF entregará o troféu de campeão brasileiro. Mas diante do Sport, a formação da equipe deve ser, em sua maioria, formada por atletas que pouco atuaram.

Desfalque certo diante dos mineiros é o atacante Romero, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O confronto com o Atlético-MG deve marcar a despedida de Guilherme Arana do clube. O jogador está de partida para o Sevilla, da Espanha.

 

Mais conteúdo sobre:
Corinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.