Diego Vara/Reuters
Diego Vara/Reuters

Carille passa por procedimento no joelho e desfalca Corinthians em treino

Atividade desta terça-feira será comandada pelos auxiliares Leandro da Silva e Fabinho

Redação, O Estado de S.Paulo

22 de outubro de 2019 | 04h30

O Corinthians treinará nesta terça-feira desfalcado de seu treinador. Fábio Carille passou por procedimento no joelho esquerdo na segunda-feira e ficará ao menos um dia sem comparecer ao CT Joaquim Grava. Carille vinha reclamando de dores no local especialmente nos momentos em que precisava ficar em pé. O treinador recebeu a injeção de ácido hialurônico no joelho para aliviar o inchaço. O líquido preencherá a falta de cartilagem na região e ajudará a diminuir o impacto durante os treinamentos.

A evolução da recuperação na terça-feira indicará se o treinador poderá retornar aos trabalhos na quarta-feira. De qualquer maneira, Carille não poderá acompanhar o Corinthians do banco de reservas no clássico com o Santos, sábado, na Arena Corinthians. Ele foi expulso na derrota para o Cruzeiro por 2 a 1 no último domingo e terá de cumprir suspensão.

Os auxiliares Leandro da Silva, o Cuca, e Fabinho, ex-volante do Corinthians, comandarão a atividade nesta terça-feira. A tendência é que o lateral-direito Michel Macedo e o zagueiro Manoel substituam Fagner e Bruno Méndez, que receberam o terceiro cartão amarelo na última partida.

A principal dúvida na equipe que entrará em campo está na vaga de centroavante. Gustagol, com atuação discreta nos dois últimos jogos, pode voltar para a reserva e dar lugar a Vagner Love. Uma provável escalação do Corinthians terá: Cássio; Michel Macedo, Gil, Manoel e Danilo Avelar; Ralf, Sornoza e Mateus Vital; Pedrinho, Vagner Love (Gustagol) e Janderson.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.