Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Carille se firma no Corinthians e diz que 'não conta história' para os atletas

Técnico acredita que jogadores estão compreendendo melhor suas ideias

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

17 de abril de 2017 | 07h01

O técnico Fábio Carille assumiu o comando do Corinthians no início do ano cercado de desconfiança da torcida, imprensa e até de boa parte dos dirigentes. O tempo foi passando e mesmo sem apresentar um futebol de encher os olhos, a equipe alvinegra vive um bom momento, com grandes chances de avançar na Copa do Brasil e chegar na decisão do Campeonato Paulista, eliminando os rivais Internacional e São Paulo. O treinador acredita que o motivo do bom momento se dá pela forma com que se relaciona com os atletas.

Engana-se quem acha que Carille segue a cartilha de Tite apenas sob o ponto de vista tático. No dia a dia, ele tem um relacionamento com os jogadores bem parecidos com a do treinador. “Acredito que no dia a dia tem que ser verdadeiro com os atletas e não adianta ficar contando histórias. São mais de 30 jogadores no elenco e temos que deixar claro que todos estão no mesmo barco”, avisou o treinador.

Carille gosta de repetir um discurso semelhante ao que Tite cansou de falar nos tempos de Corinthians e diz algumas vezes na seleção. “Digo para os atletas que eles precisam se preparar em todos os jogos como se fossem atuar, pois a gente nunca sabe quando vamos precisar deles”.

Com o discurso de todos são importantes, Carille vai conquistando seu espaço. “Dia a dia é de muito trabalho, dedicação dos jogadores, que estão comprando a ideia desde o início. Estão todos no mesmo barco e eles entendem isso”, comemora.

Até mesmo jogadores que estão em baixa com a torcida não são considerados descartados pelo comandante corintiano. “Todos os atletas que foram criticados ano passado, a gente vai resgatar e recuperar”, avisou, se referindo, dentre outros, a Giovanni Augusto, Marquinhos Gabriel e Guilherme. 

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansFutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.