Reprodução/Twittter/Corinthians
Reprodução/Twittter/Corinthians

Carille vê garotos mais maduros após clássicos pelo Corinthians

Técnico mostrou preocupação com a postura de alguns atletas depois de jogos contra São Paulo e Palmeiras

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

03 de abril de 2018 | 11h00

O técnico Fábio Carille acredita que os clássicos com o São Paulo e Palmeiras servirão para os jovens atletas do Corinthians ganharem mais experiência para a sequência da temporada. A postura demonstrada por alguns jogadores no primeiro jogo da final preocupou a comissão técnica e será trabalhada ao longo da semana para a segunda partida. 

+ Podcast Corinthians: como Carille pode reverter a situação?

+Renovação de contrato de Balbuena vira novela no Corinthians

O meia Mateus Vital é um exemplo. O garoto de 19 anos sentiu bastante o clima tenso do clássico com o Palmeiras, mas a comissão técnica acredita que isso seja algo natural, pela juventude e pelo fato do atleta ter pouca experiência profissional. 

Quem também chamou a atenção da comissão foi o lateral Mantuan. Ele foi titular no primeiro jogo contra o São Paulo e falhou no lance que resultou no gol do time tricolor. "Esses atletas terão que passar por isso. O erro do Mantuan no Morumbi. Tenho certeza que ele não irá errar mais daquele jeito. Não estou jogando a responsabilidade dele, mas é que eles terão que passar por isso", explicou Carille, após o jogo com o Palmeiras. 

Existe a preocupação da comissão técnica com o lado psicológico de alguns jogadores e isso deverá ser conversado durante a semana. A tendência é que a partida do próximo domingo seja novamente muita tensa e a ordem será manter os nervos no lugar, ainda mais pelo fato do time alvinegro precisar vencer, já que foi derrotado por 1 a 0, em confronto realizado no último sábado. 

Para o segundo jogo contra o Palmeiras, a tendência é que Jadson retorne ao time, recuperado de lesão, e Matheus Vital é o mais cotado para deixar a equipe. Outra possibilidade seria a entrada do experiente meia no lugar de Clayson, suspenso, mas isso obrigaria Carille a mexer no esquema tático. 

Tudo o que sabemos sobre:
Corinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.