Carlos Alberto diz que está motivado para pegar o Corinthians

Relacionado para o clássico, jogador pode fazer contra seu ex-clube sua estréia com a camisa são-paulina

Alfredo Luiz Filho, O Estado de S. Paulo

25 de janeiro de 2008 | 12h53

Carlos Alberto foi um dos 20 jogadores relacionados para o clássico contra o Corinthians, neste domingo, no Morumbi. O meia, contratado por seis meses, disse nesta sexta-feira que está motivado para atuar diante de seu ex-clube e fazer sua estréia com a camisa do São Paulo.  Veja também: Aloísio deve ser parceiro de Adriano no ataque do São Paulo "Será gostoso se estrear contra um clube que defendi", conta Carlos Alberto. "Mas o mais importante é que estou feliz e à disposição. Se jogar, vou fazer meu melhor; se ficar no banco, tudo bem; e se não ficar nem no banco, vou para o meio da torcida dar meu apoio. A motivação é a de um menino que acaba de ganhar a primeira chuteira e isso eu não quero perder nunca." Na quinta-feira, Carlos Alberto participou de um amistoso contra o ASA, da Angola, por 45 minutos. Se ele atuar contra o Corinthians, deve entrar no decorrer do segundo tempo. "Ainda preciso aprimorar minha condição física, já que ainda falta ritmo. Mas estou preparado para o que acontecer." Sobre Carlos Alberto, o técnico Muricy Ramalho disse que confia no jogador. "Ele treinou bem esses dias, mas é claro que não está 100%. Hoje, o jogador é profissional e não fica muito tempo no clube. É difícil se apegar. O São Paulo já será o terceiro clube dele depois do Corinthians." Além de Carlos Alberto, Muricy relacionou o atacante Aloísio para o jogo. O treinador, no entanto, alertou os jogadores para ninguém entrar em provocação. "Eles têm de ter consciência para não falar babaquice, eu não gosto, alguns acham isso legal, mas tem de respeitar. Futebol é um negócio sério. O cara não pode falar toda hora."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.