Carlos Alberto não viaja, mas prevê recuperação rápida

Depois de desfalcar o Vasco no clássico contra o Flamengo, neste domingo, o meia Carlos Alberto segue de fora da equipe. Nesta segunda-feira, o jogador não viajou junto com a delegação vascaína para Maceió, onde o time enfrenta o ASA de Arapiraca na quarta, pela segunda fase da Copa do Brasil. Mas a ausência na viajem não desanimou o meia, que pretende surpreender em sua recuperação.

AE, Agencia Estado

15 de março de 2010 | 17h14

"Pelo meu histórico de recuperações rápidas, acredito que possa voltar antes do prazo previsto. Vou fazer tudo que estiver ao meu alcance para voltar o mais rápido possível", disse. Carlos Alberto foi vetado para o clássico, no qual o Vasco perdeu por 1 a 0, com direito a dois pênaltis perdidos por Dodô, por causa de uma lesão na perna esquerda. Agora, pode ficar até quatro semanas afastado.

O meia falou sobre a decepção de não enfrentar o Flamengo. "Foi um baque para mim quando soube que não jogaria. Treinei ao longo da semana, tratei a lesão no pé direito e estava me preparando muito para jogar. Sou daquele tipo de jogador fominha, que adora clássicos e jogos decisivos", afirmou. "A dor na perna esquerda aumentou a um ponto que não daria para jogar", explicou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.