Carlos Alberto pede paciência para recuperar o Vasco

O Vasco não teve o início de Série B que imaginava e deixou as primeiras colocações após quatro tropeços seguidos. Os resultados negativos aumentaram a pressão sobre a equipe, mas o meia Carlos Alberto pede paciência para recuperar a equipe e encerrar o jejum de três jogos sem gols na competição.

AE, Agencia Estado

23 de junho de 2009 | 12h06

"Estamos com um pouco de dificuldades para marcar gols, mas temos que ter paciência, porque isso é normal no futebol. Temos que manter a tranquilidade e é importante manter a mesma linha de trabalho", afirmou, acreditando que o Vasco está no caminho certo, apesar dos tropeços.

Carlos Alberto garante que o Vasco não se sente pressionado para o duelo com o Figueirense no sábado. "Estamos tranquilos para a partida, porque sentimos uma segurança no nosso comando. O Dorival Júnior é muito tranquilo e sabe mostrar o caminho certo. Temos que esquecer o que passou e trabalhar", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.