Divulgação
Divulgação

Carlos Alberto renova e fica no Figueirense mais uma temporada

Clube ainda repatria o atacante Éverton Santos, herói em 2013

Estadão Conteúdo

30 de dezembro de 2015 | 18h57

Nome mais conhecido do elenco do Figueirense, o meia Carlos Alberto vai continuar no Orlando Scarpelli em 2016. O anúncio da renovação do contrato do jogador de 31 anos foi feito nesta quarta-feira, penúltimo dia do ano, pelo site oficial do clube catarinense, que se manteve na primeira divisão do Campeonato Brasileiro.

Revelado pelo Fluminense em 2002, Carlos Alberto foi campeão da Liga dos Campeões e do Mundial pelo Porto, jogou também no Corinthians e no Werder Bremen (Alemanha) antes de começar a rodar por diversos clubes. Jogou no São Paulo, no Botafogo (em duas oportunidades), no Bahia, no Grêmio e no Goiás. Só parou no Vasco, entre 2012 e 2013.

No início deste ano, chegou a ser apresentado pelo Al Dhafra, de Dubai, mas voltou atrás do negócio alegando que o clube dos Emirados Árabes não havia cumprido com o combinado. Em abril, acertou com o Figueirense. De lá para cá, fez 15 jogos e marcou quatro gols. Mesmo assim, teve o contrato renovado.

VOLTA

Também nesta quarta-feira a diretoria do Figueirense anunciou a contratação de Éverton Santos, atacante que foi o grande nome da campanha que culminou com o acesso na Série B do Campeonato Brasileiro de 2013. O jogador, que tem passagens por Corinthians, Ponte Preta e Goiás e defendeu também o PSG estava há dois anos na Coreia do Sul. Lá, jogou no FC Seoul e no Ulsan Hyundai. Na primeira passagem pelo Figueirense entre 2013 e 2014, ele disputou 37 partidas e marcou dez gols.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.