Carpegiani inova na sua estréia

O técnico Paulo César Carpegiani faz sua estréia oficial no comando do Cruzeiro neste sábado, às 18h30, em João Pessoa, contra o São Raimundo, pela Copa dos Campeões. Desde que assumiu o cargo, substituindo Luiz Felipe Scolari, que foi para a seleção brasileira, Carpegiani tem feito uma verdadeira revolução no esquema tático da equipe mineira.O Cruzeiro continua interessado na contratação do volante Rincón, do Santos, do meia Alex, do Parma, no atacante Euller, do Vasco, e no lateral Evanílson, do Borussia Dortmund, mas ainda não conseguiu nenhum reforço. Com isso, Carpegiani optou por alterar totalmente o esquema da equipe. O lateral argentino Sorín, por exemplo, ganhou nova posição: deixou a ala esquerda e passou a jogar como armador, com liberdade para ir ao ataque. O tradicional 4-4-2 foi substituído pelo 3-5-2, mesmo tipo de formação utilizado por Carpegiani quando ele dirigiu o São Paulo e o Atlético-PR. Os três zagueiros do novo esquema cruzeirense devem ser Cris, liberado da seleção por Felipão especialmente para esta partida, o garoto Bill, que ganha a vaga do veterano Cléber, e o meia Marcus Vinícius, definido como líbero.Jackson será o lateral-direito e o ex-júnior Alex joga pela ala esquerda.Além de Sorín, o meio-de-campo terá os volantes Ricardinho e Cléber Monteiro. E, no ataque, estarão Oséas e Marcelo Ramos, que fica no clube até o fim da Copa dos Campeões, quando irá jogar no futebol japonês. "Apesar do pouco tempo que tive para treinar o time, os jogadores estavam bem preparados, graças ao trabalho do Luiz Felipe", afirmou Carpegiani, elogiando seu antecessor e confiante na conquista do título da Copa dos Campeões, que dará uma vaga na Libertadores de 2002.No São Raimundo, o técnico Aderbal Lana tem quatro desfalques importantes. O zagueiro Luiz Cláudio e os volantes Isaac e Alberto estão suspensos e não jogam. No meio-de-campo, entram Sidney e Márcio. Na defesa quem deve jogar é Ademir, mas Cleuber também tem chances de ganhar a posição na equipe. Outro jogador importante do elenco que não enfrenta o Cruzeiro é o atacante Marcela Araxá, que ainda se recupera de contusão.

Agencia Estado,

22 de junho de 2001 | 17h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.