Carrasco de Neymar em 2014, Zúñiga deixa o Napoli e acerta com o Watford

Juan Camilo Zúñiga se tornou vilão dos torcedores brasileiros em 2014, quando tirou Neymar da reta final da Copa do Mundo após acertar-lhe uma joelhada nas costas nas quartas de final entre Brasil e Colômbia. Passados pouco mais de dois anos daquele inesquecível 4 de julho, a carreira de ambos seguiu, e neste sábado a do lateral colombiano ganhou uma nova página. Ele deixou o Napoli para acertar com o Watford.

Estadão Conteúdo

16 de julho de 2016 | 11h08

Aos 30 anos, Zúñiga foi anunciado nesta manhã como novo reforço do clube que disputa a primeira divisão inglesa. Os detalhes financeiros da transação não foram revelados, mas o jogador assinou contrato de empréstimo por uma temporada a pedido do técnico do Watford, Walter Mazzarri, com quem trabalhou por quatro anos no Napoli.

Veterano, o lateral tem uma carreira construída na Itália. Revelado pelo Atlético Nacional, da Colômbia, chegou ao Siena em 2008 e já no ano seguinte foi contratado pelo Napoli. Foi titular do time napolitano por longos anos, mas perdeu espaço após a saída de Mazzari e chegou a defender o Bologna por empréstimo nos primeiros seis meses deste ano.

A má fase recente inclusive o tirou da seleção colombiana, pela qual disputou 62 partidas, sendo quatro na Copa do Mundo de 2014, incluindo a derrota por 2 a 0 para o Brasil nas quartas de final. Se voltar a viver bons momentos com Mazzarri, o Watford tem a opção de compra de seus direitos com o preço já fixado - e não revelado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.