Walter Bieri/EFE
Walter Bieri/EFE

Cartola da Fifa entrega até anel de noivado como fiança

Jeff Webb também entregou onze relógios e dois carros de luxo

Jamil Chade, Correspondente na Suíça, O Estado de S. Paulo

20 de julho de 2015 | 15h51

Para conseguir liberdade condicional nos EUA, o vice-presidente da Fifa, Jeff Webb, entregou um bem da família muito caro à Justiça: o anel de diamante que deu a sua esposa em seu casamento. 

Webb, acusado de corrupção e de receber milhões de dólares em propinas da empresa brasileira Traffic, foi o primeiro a ser extraditado aos EUA. Ele foi preso no dia 27 de maio em Zurique, as aceitou a transferência. 

Agora, para esperar pelo processo em sua casa, foi obrigado a pagar US$ 10 milhões (R$ 31,96 milhões). Documentos da corte obtidos pelo Estado revelam que, entre os itens que entraram na fiança estava o anel de diamante de sua esposa, dado no seu casamento.

Mas isso não foi suficiente. No total, onze relógios de luxo fizeram parte do acordom entre eles quatro modelos da Rolex e um Cartier. No total, dez propriedades foram confiscadas e dadas como garantias, além de uma Ferrari 2015, um Mercedes e um Range Rover. Sua mulher ainda teve de entrar brincos de pérolas, colares de diamante e congelar uma conta com US$ 400 mil (R$ 1,278 milhão)

Tudo o que sabemos sobre:
futebol internacionalfutebolfifa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.