Javier Etxezarreta/EFE
Javier Etxezarreta/EFE

Carvajal volta a treinar com a Espanha e afasta risco de corte

Atuando pelo Real Madrid, lateral se machucou na final da Liga dos Campeões

Estadão Conteúdo

12 Junho 2018 | 07h58

Os defensores Gerard Piqué e Daniel Carvajal treinaram sem limitações nesta terça-feira, a três dias da estreia da Espanha na Copa do Mundo na Rússia, contra Portugal, em Sochi. O técnico Julen Lopetegui agora tem todos os 23 jogadores à disposição para se preparar para a partida.

+ Fora da seleção sueca, Ibrahimovic chega à Rússia como garoto-propaganda

+ Treino do Brasil tem tentativa de invasão, fãs em viaduto e incidente com Neymar

+Treino leve para titulares da seleção frustra torcida em Sochi

Piqué sentiu dores no joelho esquerdo na atividade matinal de segunda-feira e foi poupado no segundo período de treinos. Já Carvajal se recuperava de lesão no músculo posterior da coxa direita sofrida na final da Liga dos Campeões da Europa, em 26 de maio - na ocasião, o lateral-direito do Real Madrid foi substituído aos 36 minutos do primeiro tempo, na vitória do clube espanhol por 3 a 1 sobre o Liverpool.

A recuperação de Carvajal deve resultar nos cortes do zagueiro Jesús Vallejo e do meia Rodri, que viajaram à Rússia por precaução de Lopetegui. Um dos dois seria o substituto de Carvajal na lista de convocados da Espanha se a lesão do lateral-direito persistisse. No caso de Piqué, a ameaça de perder o Mundial era menor.

 

Depois da partida contra a seleção portuguesa, às 15 horas (de Brasília) desta sexta-feira, os espanhóis ainda terão pela frente Irã e Marrocos no Grupo B.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.