Mariscal/EFE
Mariscal/EFE

CAS acata pedido, derruba punição e Atlético terá estádio cheio diante do City na Liga dos Campeões

Clube espanhol havia sido punido por causa de cânticos e saudações nazistas no duelo diante dos ingleses pelo jogo de ida das quartas de final, na Inglaterra

Redação, Estadão Conteúdo

13 de abril de 2022 | 13h15

A Corte Arbitral do Esporte (CAS) aceitou a reivindicação do Atlético de Madrid e cancelou a suspensão imposta pela Uefa que impedia a comercialização de 5 mil ingressos no Wanda Metropolitano. Com a vitória no tribunal, o jogo de volta das quartas de final da Liga dos Campeões, diante do Manchester City, nesta quarta-feira, será disputado com estádio cheio.

Os espanhóis foram punidos por causa de cânticos e saudações nazistas de seus torcedores no duelo da semana passada, em Manchester. Além da punição, o clube colchonero ainda será obrigado a jogar com "não ao racismo" em sua camisa.

O Atlético de Madrid achou injusta a redução de seus torcedores em uma decisão após o oponente contar com estádio cheio no duelo de ida e apelou ao CAS, que deu parecer favorável. Os espanhóis já haviam comercializado ingressos para o setor e informou que quem adquiriu poderá acompanhar o duelo normalmente

"O CAS atendeu nossa solicitação e suspendeu provisoriamente o fechamento parcial do Wanda Metropolitano", anunciou o Atlético. "Todos os membros e torcedores com ingressos para a temporada ou assento para o jogo desta noite (tarde no Brasil) poderão acessar o estádio."

Derrotado no primeiro compromisso por 1 a 0, o Atlético necessita da vitória para avançar às semifinais - o vencedor encara o Real Madrid. O técnico Diego Simeone convocou os torcedores para lotarem o estádio em busca da reviravolta. Criticado pela postura defensiva no Ettihad Stadium, ele promete "calar" os questionamentos com apresentação diferente em Madri.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.