CAS confirma Fenerbahçe fora da Liga dos Campeões

Campeão turco da última temporada, o Fenerbahçe perdeu a vaga na Liga dos Campeões da Europa por suposto envolvimento no escândalo de manipulação de resultados que assolou o futebol local. O clube apelou, tentou mudar a decisão, mas a Corte Arbitral do Esporte (CAS, na sigla em inglês) confirmou nesta sexta-feira a exclusão da equipe.

AE-AP, Agência Estado

09 de setembro de 2011 | 13h13

Esta era a última chance do Fenerbahçe, que pedia uma medida provisória para derrubar a decisão da Federação Turca de Futebol, que foi quem decretou a punição. O clube ainda requeria uma indenização por parte da Uefa, de ao menos 45 milhões de euros (cerca de R$ 103,7 milhões), para compensar suas perdas financeiras ao ficar de fora do torneio.

"Agora, a apelação continuará porque o Fenerbahçe pode também pedir indenização se, no final, for considerado inocente", explicou secretário-geral da CAS, Matthieu Reeb. "A perda financeira do Fenerbahçe aumentou com o resultado desta decisão. Isso fortalece o pedido por indenização", disse o advogado do clube, Emin Ozkurt.

Com a exclusão da equipe, o Trabzonspor, segundo colocado do último Campeonato Turco, foi confirmado na fase de grupos da Liga dos Campeões, mesmo tendo sido derrotado pelo Benfica nos playoffs preliminares.

O presidente do Fenerbahçe, Aziz Yildirim, foi preso ao lado de outras 30 pessoas, acusadas de envolvimento no escândalo de manipulação de resultados. Por conta das investigações, o início do Campeonato Turco desta temporada foi adiado em mais de um mês.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.