CAS mantém Rayo Vallecano fora da Liga Europa

Com dificuldades financeiras, o Rayo Vallecano fracassou na sua tentativa de reverter a sua exclusão da Liga Europa por causa do não-pagamento de dívidas. A Corte Arbitral do Esporte (CAS, na sigla em inglês) negou nesta quarta-feira o recurso do clube contra a recusa da Real Federação Espanhola de Futebol em conceder uma licença para disputar competições europeias.

AE-AP, Agência Estado

31 de julho de 2013 | 12h48

A CAS emitiu uma decisão urgente nesta quarta, um dia depois de ouvir o caso. O tribunal emitirá uma sentença completa "o mais breve possível". A decisão garante que o Sevilla, nono colocado na última edição do Campeonato Espanhol, possa receber o Mladost Podgorica, de Montenegro, em um compromisso pelas fases preliminares da Liga Europa nesta quinta-feira.

Oitavo colocado no último Campeonato Espanhol, o Rayo Vallecano tentava ficar com a vaga deixada pelo Málaga, que ficou em sexto lugar, mas foi proibido de participar do torneio por causa de problemas financeiros. No entanto, a federação espanhola negou o pedido do clube de obter uma licença por causa de dívidas.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolLiga EuropaCASRayo Vallecano

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.