Stephan Savoia/AP
Stephan Savoia/AP

Casemiro é cortado da seleção brasileira e Tite chama Rafinha Alcântara

É a terceira troca de atletas na atual convocação devido a lesões

Estadão Conteúdo

12 de novembro de 2018 | 14h26

A CBF anunciou no início da tarde desta segunda-feira o corte do volante Casemiro da seleção brasileira. O jogador do Real Madrid sofreu uma lesão no tornozelo direito na vitória de domingo sobre o Celta de Vigo e será desfalque para o técnico Tite nos amistosos contra o Uruguai, sexta-feira, e Camarões, dia 20, ambos em Londres. Ele dá lugar a Rafinha Alcântara, do Barcelona.

Casemiro se contundiu ainda no primeiro tempo do jogo de domingo, pelo Campeonato Espanhol, e teve os ligamentos do tornozelo danificados. Nesta segunda-feira, o clube espanhol anunciou que o jogador brasileiro deverá ficar sem jogar por, no mínimo, três semanas, o que impediria sua presença na seleção.

Sem ele, Tite agiu rápido e anunciou a convocação de Rafinha, que já teve oportunidades com o treinador em outros momentos. O jogador do Barcelona se apresenta à seleção ainda nesta segunda-feira, à noite.

Casemiro foi o terceiro jogador cortado pela seleção apenas nesta segunda. Antes dele, a comissão técnica já havia definido as saídas do lateral-esquerdo Marcelo, também do Real Madrid, e do meia Philippe Coutinho, do Barcelona, ambos lesionados. Para estas vagas, foram chamados Alex Sandro, da Juventus, e Renato Augusto, do Beijing Guoan.

Nesta sexta-feira, às 18 horas (de Brasília), a seleção brasileira enfrentará o Uruguai no Emirates Stadium, estádio que pertence ao Arsenal. No dia 20, contra Camarões, às 17h30, o local do jogo será o pequeno MK Stadium, de propriedade do Milton Keynes Dons, time da quarta divisão inglesa.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.