Andrew Yates / Reuters
Andrew Yates / Reuters

Casillas relembra drama vivido após infarto: 'Tinha medo de dormir'

Após o susto, ex-goleiro do Real Madrid e da seleção espanhola se diz mais forte e melhor do que antes

Redação, O Estado de S.Paulo

23 de abril de 2020 | 13h15

Iker Casillas, ex-goleiro da seleção espanhola, relembrou o medo que sentiu após ter infartado, há quase um ano. Na época, Casilas defendia o Porto, de Portugal, e afirmou, que, hoje, se sente mais forte e melhor do que era antes. Após o episódio, ele anunciou sua aposentadoria do futebol.

“Quando tive aquele infarto, há um ano, fiquei praticamente um mês, não triste, mas assustado. Com medo de andar, dormir, com medo de fazer qualquer exercício. Era impossível. Agora não. Por sorte, me sinto forte e melhor que antes. Mas tenho uma medicação e é ela que me faz ficar bem”, revelou.

Casilas fez história no Real Madrid. Pelo clube merengue conquistou cinco títulos do Campeonato Espanhol (2000, 2002, 2006, 2007 e 2011), duas Copas do Rei (2010 e 2013), quatro Supercopas da Espanha (2001, 1003, 2008 e 2012), três Ligas dos Campeões (1999, 2001 e 2013), duas Supercopas da Uefa (2002 e 2014), uma Copa Intercontinental (2002) e um Mundial de Clubes (2014). 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.