Casillas e Raúl assinam contrato 'vitalício' com Real Madrid

Valorizados pela diretoria, jogadores ficarão no clube madrilenho até o final da carreira

Mark Elkington, REUTERS

14 de fevereiro de 2008 | 13h14

O atacante Raúl e o goleiro Iker Casillas, do Real Madri, prorrogaram seus contratos com o clube espanhol para terminarem as suas carreiras ali. Casillas, 26, o principal goleiro espanhol, assinou com o clube até 2017, ao passo que Raúl, 30, estendeu seu compromisso em um ano, para até 2011. Os dois contratos serão prorrogados automaticamente para além dos prazos estipulados se os jogadores participarem de 30 partidas oficiais na temporada anterior ao término deles. "Iker Casillas e Raúl aceitaram continuar no time pelo resto de suas carreiras esportivas", afirmou o presidente do Real, Ramón Calderón, em uma entrevista coletiva realizada na quinta-feira. "No dia de hoje, que é o Dia dos Namorados, Iker, Raúl e o Real podem dizer que se amam, que precisam uns dos outros, que se complementam e que assumem um compromisso vitalício." "Não vou falar sobre dinheiro porque, devo dizer, esses jogadores ganharão menos do que merecem já que o exemplo que dão aos mais jovens e o entusiasmo que transmitem para os fãs não podem ser quantificados, não podem ser traduzidos em cifras", afirmou. Os dois jogadores subiram das categorias de base do Real. Raúl ingressou no time principal em 1994 e Casillas, em 1999, transformando-se ao longo do tempo em peças fundamentais da equipe.

Tudo o que sabemos sobre:
Real MadridCampeonato Espanhol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.