Caso Léo: árbitro poderá ser punido

O árbitro Elvécio Zequetto, do Mato Grosso do Sul, relatou na súmula do jogo Santos x Goiás, disputado quarta-feira, na Vila Belmiro, que aplicou cartão amarelo ao atleta Jerry, do Santos, por jogo brusco. Na verdade, o lance que culminou com a punição foi praticado pelo lateral Léo, que também receberia cartão amarelo minutos depois, por outra infração: "simular falta não recebida", como escreveu Zequetto no documento. Para quem assistiu ao jogo no estádio ou pela TV ficou caracterizado que Zequetto teria dado dois cartões amarelos a Léo. O próprio jogador ficou surpreso quando da ?última? advertência, certo de que seria expulso. Agora a súmula será analisada pela Justiça Esportiva e Zequetto pode ser suspenso de 10 a 120 dias, por não observar as regras do jogo e ?deixar de relatar as ocorrências disciplinares da partida ou que as relatar de modo a impossibilitar ou dificultar a punição dos infratores?.

Agencia Estado,

25 de julho de 2003 | 19h47

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.