Caso Ronaldinho vai parar na Fifa

A Fifa convocou Paris Saint Germain e Grêmio de Porto Alegre para uma reunião no próximo dia 27 de julho para tratar do caso Ronaldinho. Os clubes terão que se apresentar em Zurique, na Suíça, para resolver a questão do passe do jogador. A transferência completa de Ronaldinho para o PSG depende de acordo com o clube brasileiro.O Paris Saint Germain tem pressa. O campeonato francês começa no dia 28, quando irá receber o time do Lille. O Grêmio pede uma indenização de US$ 28 milhões, e Ronaldinho argumenta que é dono do seu passe, de acordo com a Lei Pelé, que entrou em vigor no dia 26 de março.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.