Andrés Cristaldo/EFE
Andrés Cristaldo/EFE

Cássio admite falha no primeiro gol do Guaraní após revés fora de casa

Goleiro vê 'excesso de confiança' em lance decisivo para derrota

Estadão Conteúdo

06 de maio de 2015 | 22h21

Após a derrota do Corinthians na noite desta quarta-feira, o goleiro Cássio admitiu que falhou no primeiro gol do Guaraní, na falta cobrada por Santander. O chute foi de longe, rasteiro e defensável. "Acho que foi excesso de confiança", afirmou ao fim da derrota por 2 a 0, no Paraguai, pelas oitavas de final da Copa Libertadores.

Cássio disse que sua intenção era pegar a bola e fazer uma reposição rápida - o jogo estava empatado por 0 a 0. "Mas acabei falhando, e falhando feio", reconheceu o goleiro.

Ele e outros jogadores do Corinthians ressaltaram que, mesmo após a derrota por 2 a 0 no Paraguai, é possível buscar a classificação jogando em casa na próxima quarta-feira. "Contamos com a força do nosso torcedor para buscar essa virada", disse Fábio Santos.

O lateral-esquerdo reconheceu que o Corinthians não fez uma grande partida no Defensores Del Chaco, mas achou o placar um tanto injusto. "Não jogamos para perder por 2 a 0."

Para o jogo da volta, o Corinthians pode perder mais uma vez Emerson e Mendoza. Eles não jogaram nesta quarta porque estavam suspensos (levaram cartão vermelho contra o São Paulo) e podem pegar novo gancho da Conmebol.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.