Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Marcio Fernandes/AE
Marcio Fernandes/AE

Cássio rejeita favoritismo do Corinthians no clássico com o São Paulo

Para goleiro, bom retrospecto contra o adversário deve ser ignorado no jogo do próximo domingo

Vítor Marques, O Estado de S. Paulo

22 de agosto de 2012 | 12h01

SÃO PAULO - Apesar do bom retrospecto do Corinthians contra o São Paulo jogando no Pacaembu (são seis vitórias nos últimos seis jogos), o goleiro Cássio rejeita favoritismo no clássico do próximo domingo, válido pela última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro. "Não podemos achar isso (que somos favoritos), muitas vezes um time está mal, ganha e cresce na competição", disse o goleiro após treino na manhã desta quarta-feira no CT do clube.

O único ponto positivo do Corinthians em relação ao rival, segundo Cássio, é o entrosamento. "A gente vem jogando junto há seis meses, estamos com a mesma base, e isso ajuda. Esse pode ser um fator que nos favoreça." Cássio disse que a pressão pela vitória existe dos dois lados, porque o Corinthians vem de derrota contra o Santos. "Temos de ganhar esse jogo, que vai ser difícil, mas esperamos que a gente saia com a vitória."

O goleiro disse ainda que o Corinthians não pode se preocupar apenas com Lucas, que vem em bom momento no São Paulo após defender a seleção brasileira. "O time todo é bom, tem o Luis Fabiano, é um ataque rápido, precisamos estar atentos com todos."

Os jogadores do Corinthians treinaram na manhã desta quarta-feira no CT Joaquim Grava. A maioria dos jogadores realizou apenas treinos físicos no gramado. Outro grupo permaneceu na academia. O atacante Emerson, que se recupera de torção no tornozelo, esteve presente e fez um trabalho à parte. No período da tarde, haverá outro treino, provavelmente com bola, fechado à imprensa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.