Daniel Augusto Jr.|Divulgação
Daniel Augusto Jr.|Divulgação

Cássio revela insatisfação após virar reserva: 'Fiquei chateado'

Goleiro não esconde a mágoa de como virou reserva corintiano

Vítor Marques, O Estado de S. Paulo

26 de maio de 2016 | 16h44

A perda do posto de titular abalou o goleiro Cássio. Agora reserva do Corinthians, o jogador afirmou que não gostou da maneira como isso aconteceu. "Vou ser bem honesto, fiquei chateado com a situação. Eu iria jogar contra o Grêmio e depois não voltei mais", disse ele após a vitória do Corinthians contra a Ponte Preta nesta quinta-feira.

Cássio estava escalado para o jogo de estreia no Brasileiro, contra o Grêmio, dia 15 de maio, um domingo. Porém, por conta da morte de sua avó ele foi liberado da concentração e do treino de sábado, véspera da partida.

"Eu estava no Sul, mas me disponibilizei. Se precisasse, eu voltaria, indiferente se tivesse que ficar no banco, jogando ou não. O pessoal pediu para eu ficar lá tranquilamente e eu fiquei", afirmou. "Não estou sendo irônico, mas espero que não faleça mais ninguém. Foi bem difícil, duas pancadas."

Walter acabou jogando a partida contra o Grêmio e depois foi confirmado por Tite como novo titular da equipe. O treinador deu sua versão sobre a mudança de goleiro, mas deixou que outros fatores pesaram para ele ter tomado essa decisão.

"É uma parte isso (o falecimento da avó e ausência do jogo contra o Grêmio) e a outra ele (Cássio) sabe. Eu já conversei com ele, mas vou preservar isso para o vestiário. Essa parte é nossa. No momento oportuno vocês saberão."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.