Cavalieri diz que não existe proposta da Inter de Milão

Goleiro diz que ainda tem objetivos no Palmeiras, apesar de procurar por passaporte comunitário europeu

22 de outubro de 2007 | 18h11

Titular absoluto do gol palmeirense, ainda mais com a nova fratura no antebraço esquerdo de Marcos, Diego Cavalieri deixou claro que não recebeu proposta alguma para deixar o Palmeiras no começo do ano que vem.   "Olha, sei que existem conversas a respeito, mas nada de concreto, como já havia acontecido quando se falou que eu jogaria no São Paulo", disse o goleiro, relembrando um dos boatos que deram dor de cabeça, já que alguns diretores do clube ficaram chateados com a hipótese de Diego deixar o Palmeiras pelo rival paulistano.   Hoje, o boato é que a Internazionale estaria interessada no atleta, e o indicio disso seria a procura do atleta pelo passaporte europeu, já que sua família tem vínculos europeus. "A diretoria pediu para que eu tirasse o passaporte europeu, só isso. Não existe proposta alguma que eu saiba."   Apesar de dizer que não existe interesse da Inter de Milão, que hoje conta com o brasileiro Júlio César como titular, Diego Cavalieri mostrou-se feliz com o assédio. "É legal ser lembrado e ter seu nome cogitado, mas estou bem no Palmeiras e tenho objetivos dentro do clube."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.