Vitor Silva/SSPress/Botafogo
Vitor Silva/SSPress/Botafogo

Cavalieri festeja possibilidade de atuar 2 jogos seguidos pelo Botafogo

Gatito Fernández, titular da equipe, vai defender o Paraguai em dois amistosos nos EUA

Redação, Estadão Conteúdo

19 de março de 2019 | 19h21

Diego Cavalieri vai, enfim, ter uma sequência de jogos como titular. Ele vai substituir o paraguaio Gatito Fernández no gol do Botafogo nos jogos contra a Portuguesa, nesta quinta-feira, às 21h30, no Engenhão, e no domingo, diante do Americano, em Saquarema, pelas rodadas finais da Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca. O titular da posição vai defender a seleção de seu país em dois amistosos nos Estados Unidos.

Apesar da pouca chance de classificação do Botafogo para as semifinais da Taça Rio e do Estadual, Cavalieri demonstra motivação para voltar a disputar duas partidas consecutivas, feito que não consegue desde sua saída do Fluminense no fim de 2017.

"A motivação é carregar um escudo muito grande, vestir uma camisa desse porte, independentemente do cenário. Temos dois jogos, nosso papel é fazer seis pontos. Se a tabela ajudar, vai ser importante, mas nosso foco tem que estar em alcançar as duas vitórias", disse o experiente goleiro, de 36 anos.

Quarto colocado do Grupo B, o Botafogo corre o risco de entrar em campo diante da Portuguesa eliminado da Taça Rio, caso Cabofriense e Bangu vençam seus jogos. "Sabemos da responsabilidade, sabemos que os rivais jogam antes. Mas temos a obrigação de ir para dentro de campo fazer o nosso melhor, independentemente da situação. Corremos o risco de entrarmos eliminados, mas temos que nos entregar 100% dentro de campo."

Para Cavalieri, trata-se de uma boa oportunidade para mostrar seu atual momento na carreira e conquistar a confiança do técnico Zé Ricardo. "É ter a cabeça no lugar, ficar tranquilo, preparado. Demonstrar uma boa performance", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
BotafogofutebolDiego Cavalieri

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.