CBF
CBF

CBF admite erro da arbitragem em jogo contra o Bahia e marca reunião com o Vasco

Entidade confirmou que enviará as imagens e áudios do VAR solicitados pelo clube

Redação, Estadão Conteúdo

05 de fevereiro de 2021 | 12h50

O Vasco conseguiu uma vitória simbólica nos bastidores. Na noite desta quinta-feira, a CBF reconheceu que houve erro de arbitragem durante a partida entre o Cruzmaltino e o Bahia, que terminou sem gols, no último domingo, em São Januário. O equívoco aconteceu na não expulsão de Gregore por falta dura em Benítez. No lance, o jogador do time baiano atinge a coxa do argentino. Na última segunda, o clube carioca havia entrado com uma representação na entidade, alegando ter sido prejudicado em três lances.

A CBF emitiu um parecer oficial, onde reconhece o erro. Sem citar o lance do zagueiro Leandro Castán, que acertou em cheio o rosto do goleiro Douglas, do Bahia, e foi expulso após a revisão do VAR, a entidade comentou a falha. "A resposta ao porquê de o jogador não ser expulso não pode ser outra senão a de que houve erro de arbitragem", publicou.

De acordo com o parecer, a CBF acatou ao pedido do Vasco e agendou uma reunião com a Comissão de Arbitragem para discutir os erros do polêmico jogo. A CBF confirmou que enviará as imagens e áudios do VAR solicitados pelo clube.

No entanto, as outras duas jogadas contestadas foram consideradas inconclusivas, como o suposto pênalti cometido pelo goleiro Douglas sobre Léo Matos e a expulsão de Juninho Capixaba na disputa sem bola com Marcelo Alves. Com os vídeos em mãos, o Vasco pretende recorrer e provar o erro da arbitragem.

Atualmente, o Vasco tem 37 pontos e está na 15.ª posição na tabela de classificação, enquanto que o Bahia tem 36 e está em 16.º lugar. Ambos lutam contra o rebaixamento à Série B.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.