Fábio Motta/ Estadão
Fábio Motta/ Estadão

CBF anuncia homenagem às vítimas de incêndio: 'Futebol brasileiro está de luto'

Partidas do final de semana terão um minuto de silêncio e seleção sub-20 usará faixa preta no jogo de domingo

Redação, Estadão Conteúdo

08 de fevereiro de 2019 | 12h50

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) vai fazer homenagens às vítimas do incêndio no Centro de Treinamento do Flamengo em suas competições, nos próximos dias, e avisou que os jogadores da seleção brasileira sub-20 vão entrar em campo com uma faixa preta no braço em seu último jogo no Sul-Americano da categoria, no domingo.

"O futebol brasileiro está de luto. A CBF se une em solidariedade e orações às famílias das vítimas e ao Flamengo, neste momento de enorme tristeza. Que todos tenham muita força para ultrapassar este momento trágico, que interrompeu sonhos de protagonismo nos gramados e fora deles", registrou a entidade, em comunicado.

"Todas as partidas de competições organizadas pela CBF terão um minuto de silêncio, na próxima rodada, em homenagem às vítimas. A seleção brasileira sub-20 entrará em campo, na rodada final do Sul-Americano da categoria, usando luto nos uniformes. As bandeiras da sede da CBF serão mantidas a meio-mastro, durante o luto oficial decretado pelas autoridades", informou a CBF.

O incêndio no Centro de Treinamento George Helal, mais conhecido como Ninho do Urubu, em Vargem Grande, na zona oeste do Rio de Janeiro, aconteceu na madrugada desta sexta-feira e deixou dez mortos e três feridos. Ainda não há informações oficiais sobre as causas e nem a identidade das vítimas.

"A tragédia causada pelo incêndio no Centro de Treinamentos do Clube de Regatas do Flamengo atinge, profundamente, a todos no futebol brasileiro. A perda é imensurável. Todas as vítimas são pessoas que investiram suas vidas e esperanças no futebol. Cada uma dessas vidas é preciosa e insubstituível", disse a CBF.

A Fifa também se manifestou sobre o episódio trágico no Rio. "É com imensa tristeza que recebemos a notícia do incêndio no centro de treinamento do Flamengo, no Rio de Janeiro. Os pensamentos e orações de toda a comunidade do futebol vão para as vítimas, suas famílias e a torcida rubro-negra nesse momento de dor. #ForçaFlamengo", escreveu a entidade, nas redes sociais.

Pelé e Neymar lamentou a tragédia também pelas redes sociais. "Meu dia começou com as notícias sobre o incêndio no CT do Flamengo - um lugar onde jovens perseguem seus sonhos. É um dia muito triste para o futebol brasileiro", disse o Rei do Futebol. "Meus sentimentos", escreveu Neymar ao lado de uma foto em que aparece a mensagem "O Flamengo está de luto."

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • Raí valoriza montagem do elenco do São Paulo para o Brasileirão
  • Em crise, Figueirense se movimenta para evitar novo W.O.
  • Corinthians, Palmeiras e São Paulo tem as melhores defesas do Campeonato Brasileiro
  • Podcast: personalidades do esporte analisam a situação do futebol no Brasil
  • Bruno Henrique vibra com gols no Maracanã: 'Semana mais feliz da minha vida'

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.