Mailson Santana/Fluminense
Mailson Santana/Fluminense

CBF confirma 'rodada natalina' do Brasileirão para os dias 26 e 27 de dezembro

Rodadas em meio a Natal são reflexo da pandemia do coronavírus, que 'espremeu' o calendário do futebol brasileiro

Redação, Estadao Conteudo

03 de dezembro de 2020 | 12h48

A pandemia do novo coronavírus fez com que o calendário do futebol brasileiro precisasse se organizar com um espaço menor de datas em 2020, invadindo os primeiros meses de 2021. Em razão disso, o Campeonato Brasileiro terá um final de ano diferente do usual. Na noite de quarta-feira, a CBF divulgou a atualização da tabela de jogos da 26.ª até a 29.ª rodada, sendo que a segunda delas, a 27.ª, acontecerá em meio ao feriado de Natal, nos dias 26 e 27 de dezembro.

Esta rodada terá a sua abertura no dia 26, um sábado, no dia seguinte à comemoração natalina. Atlético-MG x Coritiba e Santos x Ceará jogarão às 17 horas. Na sequência, às 19 horas, será a vez de Goiás x Sport e Fortaleza x Flamengo. Depois, às 21 horas, Fluminense e São Paulo duelam no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

No domingo, dia 27, às 16 horas, serão três jogos: Botafogo x Corinthians, Bahia x Internacional e Athletico-PR x Vasco. Logo depois, às 18h15 será a vez de Palmeiras x Red Bull Bragantino, em São Paulo. Por fim, às 20h30, Grêmio e Atlético Goianiense fecham a rodada na Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

Após esta data, o campeonato terá uma pausa por 10 dias e será retomado no dia 6 de janeiro, uma quarta-feira, com a 28.ª rodada. Destaque para os clássicos Flamengo x Fluminense, no Maracanã, e Palmeiras x Corinthians, no estádio Allianz Parque, em São Paulo.

Mas não serão todos os clubes que terão esse descanso. No dia 30 de dezembro, véspera do Ano Novo, está agendada a rodada de volta das semifinais da Copa do Brasil com os duelos América-MG x Palmeiras, em Belo Horizonte, e São Paulo x Grêmio, no estádio do Morumbi, na capital paulista. Os jogos de ida serão uma semana antes, no dia 23.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.