CBF descarta amistoso para 11 de outubro

A seleção brasileira só voltará a se reunir em 11 de novembro, em Teresópolis, região serrana do Rio, a fim de dar início à preparação para o jogo com o Peru, dia 16, em Lima, pela terceira rodada das eliminatóriaas do Mundial de 2006. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) praticamente descartou a hipótese de a equipe disputar amistoso em 11 de outubro, data estabelecida pela Fifa para compromissos das seleções. Como há um acordo entre clubes e entidades dirigentes de futebol, amistosos de seleções nacionais só podem ocorrer na Europa, a não que os treinadores abram mão de convocar atletas em atividades no continente. Além de não ter recebido nenhum convite, a CBF não demonstrou interesse em marcar jogo para outubro. O que vai ser estudado ainda pela CBF é a possibilidade de a seleção sub-23, a equipe olímpica, aproveitar a data. Dessa forma, poderia ser realizada uma partida no Brasil, com a liberação obrigatória dos atletas que estão disputando o Campeonato Brasileiro. O técnico da sub-23, Ricardo Gomes, já manifestou à comissão técnica da seleção principal a vontade de poder trabalhar o máximo possível com o grupo que disputará o torneio pré-olímpico, em janeiro, no Chile. "Tudo isso será analisado a partir de segunda-feira, no Rio", disse o supervisor Américo Faria. "Vamos continuar fazendo o trabalho integrado para ver também o que é melhor para a sub-23." Do dia 11 a 14 de novembro, a seleção permanecerá na Granja Comary, em Teresópolis, onde viajará para Lima, na antevéspera do jogo com o Peru, em vôo fretado da Varig. Logo após a partida, seguirá para Curitiba, iniciando o trabalho visando ao jogo do dia 19, com o Uruguai, no Pinheirão. Amanhã, após a chegada no Rio e em São Paulo, prevista para bem cedo, os jogadores serão dispensados. Os que atuam na Europa viajam à noite para os respectivos países de seus clubes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.