CBF desmente veto ao Brasiliense

O diretor do Departamento Técnico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Virgílio Eliseo, disse há pouco, por volta das 14 horas desta quinta-feira, que o Brasiliense será o representante do Brasil na Copa Libertadores da América, caso seja campeão da Copa do Brasil. Ontem, ao final da partida contra o Corinthians, se especulou que o time de Taguatinga não poderia jogar o torneio sul-americano por estar na Terceira Divisão do Campeonato Brasileiro. O dirigente afirmou desconhecer qualquer cláusula nos regulamentos feitos na entidade, que proíba a participação em competições internacionais de um time que não seja da Primeira Divisão.?Fiquei surpreso com essas notícias de que o Brasiliense não poderia jogar. Não tenho conhecimento que exista na CBF algo que o impeça de disputar. Vou checar e se tiver, terá de ser revogado o mais rápido possível. É um absurdo que uma equipe dispute uma competição e somente no final venha tomar conhecimento de que não levará o prêmio. Isso não pode acontecer", afirmou o dirigente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.