CBF e Liga anunciam o Brasileiro

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e a Liga Nacional de Clubes vão organizar o Campeonato Brasileiro de 2002. O acordo, que aconteceu durante uma reunião nesta quinta-feira à noite e contou com a participação dos presidentes da entidade máxima do futebol do País, RicardoTeixeira, e da Liga, Fábio Koff, ainda estabeleceu o respeito ?integral? ao Calendário Quadrienal e o reconhecimento da Liga pela CBF. ?Aceitamos realizar o Brasileiro em uma co-gestão porque seria muito trabalhoso para a Liga realizá-lo sozinho, neste momento. Ainda vamos acertar os detalhes em uma reunião na próxima semana?, disse Koff. A previsão é a de que a disputa reúna 26 clubes e comece na segunda quinzena de agosto. ?Esperamos, agora, entrar em acordo com os clubesdo Rio, que não poderão deixar de participar.? Koff informou que a partir do ano que vem a Liga será a única responsável pela elaboração do Brasileiro. O dirigente gaúcho assegurou, ainda, que o Campeonato Pan-Americano não será realizado esse ano. ?A sugestão feita por mim foi a de que a nova competição seja realizada somente em 2003 e no primeiro semestre, junto com a Copa Libertadores?, explicou Koff. ?Os clubes que participassem dessas duas competições não participariam da Copa do Brasil.? Apesar do acordo entre a CBF e a Liga, o presidente do Vasco, Eurico Miranda, disse que ?dificilmente? o clube participará da competição, se for convidado ou não tiver seus direitos espeitados. Já o presidente do Botafogo, Mauro Ney Palmeiro, frisou que os quatro grandes clubes do Rio estão unidos e tomarão uma só decisão. De acordo com Koff, o presidente em exercício da CBF, Sebastião Bastos, e o secretário-geral da entidade, Marco Antônio Teixeira serão os responsáveis por convencer os times cariocas, porque Teixeira viaja domingo com a seleção brasileira para a Espanha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.