CBF faz um arrastão entre os garotos

A CBF provocou um arrastão nas divisões de base dos principais clubes do Brasil e alguns da Europa. De uma só tacada, convocou 95 garotos, idades entre 14 e 22 anos. Todos estão servindo cinco seleções em torneios oficiais, de julho a agosto. Dos 95, pelo menos 30 são titulares em seus clubes. Não há limite para a CBF, e os clubes, apesar de protestos isolados, aprovam a ida dos meninos. Vestindo a camisa amarela cinco estrelas, voltam valorizados.Leia mais no Jornal da Tarde

Agencia Estado,

23 de julho de 2003 | 09h09

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.