CBF ignorou Felipão no aniversário de 4 anos do penta

Nesta sexta-feira completaram-se quatro anos do pentacampeonato da seleção brasileira na Copa do Mundo do Japão e da Coréia do Sul. Mas, talvez preocupada com o jogo contra a França, em Frankfurt, a CBF ignorou a data e nem sequer entrou em contato com Felipão, técnico do Brasil na ocasião e que agora dirige a seleção portuguesa. A Federação Portuguesa de Futebol, no entanto, fez questão de parabenizar o técnico pelo aniversário do feito. "Fiquei muito contente por ter sido relembrado da conquista do Mundial. Tanto eu, como o Darlan [Scheider, preparador físico] e o Flávio Murtosa [assistente técnico] fomos lembrados pela direção da Federação Portuguesa e por nossos amigos portugueses que trabalham aqui conosco", contou Felipão. No dia 30 de junho de 2002, um domingo, o Brasil derrotou a Alemanha por 2 a 0, com dois gols de Ronaldo, e faturou seu quinto título mundial. Depois da conquista, Felipão não quis renovar contrato com a CBF e aceitou o convite da Federação Portuguesa para dirigir a seleção local.

Agencia Estado,

01 Julho 2006 | 20h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.