CBF mantém Betim na Série C do Campeonato Brasileiro

Equipe podia perder 6 pontos pela contratação irregular de um jogador

Agência Estado

20 de fevereiro de 2014 | 17h53

RIO - A CBF anunciou nesta quinta-feira que o Betim-MG será mantido na Série C do Campeonato Brasileiro, que terá início no fim de abril. O time mineiro, que voltou a competir pela cidade de Ipatinga neste ano, obteve decisão favorável na 4ª Vara Cível de Betim, que determinou cumprimento da liminar conquistada ainda em 2013.

A decisão foi proferida na terça-feira, mas somente nesta quinta a CBF oficializou a permanência do Betim. A entidade, contudo, ressaltou que o caso ainda passará por um futuro julgamento, o que poderá alterar o destino do clube mineiro.

Pela decisão da 4ª Vara Cível de Betim, o time não poderá perder os seis pontos na Série C do ano passado, conforme punição aplicada pela CBF em outubro. O clube havia sofrido a sanção porque não teria pago uma dívida contraída junto ao The Strongest, da Bolívia, pela contratação do meia Pablo Escobar, ainda em 2008. Na ocasião, a negociação aconteceu com o Ipatinga, clube que se transferiu para Betim.

O clube boliviano não teria recebido o pagamento pelo atleta e recorreu à federação nacional, que acionou a Fifa. Na sequência, a entidade cobrou à CBF uma punição ao time brasileiro. A perda de seis pontos eliminava a equipe da Série C, que seria substituída pelo Mogi Mirim.

Insatisfeito com a decisão, o Betim recorreu à Justiça comum, que deferiu seu pedido em caráter liminar e garantiu sua permanência na terceira divisão. A liminar foi julgada nesta terça, reforçando a decisão inicial.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCBFBetimCampeonato Brasileiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.