CBF nega liberação de Ronaldinho Gaúcho

A diretoria da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) resolveu mandar um recado aos clubes europeus e informou nesta segunda-feira que em nenhum momento liberou qualquer jogador da Copa das Confederações, que será disputada na Alemanha entre os dias 15 e 29 de junho.Notícias divulgadas nos últimos dias informando que o jogador Ronaldinho Gaúcho teria sido liberado pela comissão técnica da Seleção Brasileira da competição não são verdadeiras, garante a entidade em um comunicado oficial. A CBF , continua a nota, não foi procurada por nenhum clube solicitando liberação de atletas.A posição da CBF se mantém a mesma que vem sendo divulgada diariamente, de levar a seleção principal do Brasil para a competição, esclarecendo ainda que qualquer alteração será motivada exclusivamente por uma decisão técnica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.