CBF reconhece Sport como 'único' campeão brasileiro de 1987

Entidade cumpre decisão judicial, mas não descarta dividir o título com o Flamengo

AE, Agência Estado

15 Junho 2011 | 16h47

RIO - Cumprindo decisão judicial, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou comunicado nesta quarta-feira em que reconhece o Sport como "único campeão brasileiro de futebol profissional de 1987". A entidade lembra, no entanto, que ainda cabe recurso na determinação da 10.ª Vara da Justiça Federal de Pernambuco e afirma que reconhecer também o Flamengo como campeão daquele ano não contraria os limites da coisa julgada.

A polêmica sobre o título brasileiro de 87 parece não ter fim. Naquele ano, o campeonato foi organizado pelo recém-criado Clube dos 13 e foi chamado de Copa União. O Flamengo foi o campeão do Módulo Verde, que reunia os times da elite do futebol nacional, enquanto o Sport faturou o Módulo Amarelo, espécie de segunda divisão. A CBF exigia um confronto entre os dois para definir o campeão brasileiro, mas houve a recusa flamenguista.

Diante disso, a CBF reconheceu por muitos anos apenas o Sport como campeão brasileiro de 87. Mas mudou de opinião em fevereiro deste ano, quando apontou o Flamengo também como campeão daquela temporada, 'dividindo' o título com o clube pernambucano.

Mas a diretoria do Sport não aceitou a 'divisão' do título e entrou na Justiça. Com a decisão da 10.ª Vara da Justiça Federal de Primeira Instância da Seção Judiciária de Pernambuco, a CBF foi, então, obrigada a anunciar nesta quarta-feira que o clube pernambucano é o "único" campeão brasileiro de 87. O Flamengo, no entanto, deve lutar para reaver seus direitos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.