CCBB tem mostra de filmes sobre futebol

Raridades como um documentário sobre a Copa Roca de 1939 e sucessos como Boleiros e O Corintiano, de Mazzaropi, fazem parte de uma mostra que o Centro Cultural Banco do Brasil, inicia hoje, com 14 filmes sobre futebol. Coordenada pelo curador Rune Tavares, a mostra usa o futebol para dar um panorama da produção cinematográfica brasileira nos últimos anos. "É um panorama de estilos e gêneros", diz Rune.O filme que abre a mostra hoje, às 18h, é Flamengo Paixão, um longa filmado em 16mm por David Neves em 1980 e que conta a história do clube carioca na ótica de um torcedor. Depois, às 20h, será mostrado O Craque, de 1954, com direção de José Carlos Burle e Blota Júnior, Eva Wilma e Inezita Barroso no elenco. É uma comédia que mostra a ascensão de um jogador profissional e tem participação de campeões do IV Centenário pelo Corinthians: Baltazar, Índio, Luizinho e Carbone.As pérolas da mostra são o curta-documentário Copa Roca 1939, dirigido por Humberto Mauro, pioneiro do cinema no Brasil, e o documentário Todo Mundo, de Thomas Farkas, filmado em 1980, que mostra a adoração das torcidas pelos times de futebol. "Farkas é uma das figuras mais importantes para o desenvolvimento do documentário no Brasil. Ele produzia o Globo Shell, que deu origem ao Globo Repórter", explica Rune.Segundo ele, um dos méritos da mostra é conseguir recuperar filmes que estavam "perdidos" em coleções particulares ou nos acervos do MAM, da Funarte e da Cinemateca Brasileira. "Grande parte dos filmes estava mal conservada ou quase perdida. Conseguimos trazer alguns títulos que não eram exibidos há décadas."Outros filmes da mostra são mais conhecidos. Um é O Corintiano, com Mazzaropi, que mostra cenas do Pacaembu quando ainda havia a concha acústica onde hoje existe o tobogã. Dos mais recentes, Boleiros, de Ugo Giorgetti, é um painel de cinco histórias sobre os bastidores do futebol. Uma delas mostra um jogador que começa a despontar e recebe propostas para jogar na Europa. Em outra, um técnico durão (Lima Duarte) tenta impedir que um de seus jogadores fique com uma mulher na véspera do jogo decisivo. Giorgetti faráo Boleiros 2, que deve ser lançado este ano.Poderá ser visto Uma História de Futebol, sobre a infância de Pelé, de Paulo Machline, com narração de Antônio Fagundes e indicado para o Oscar de curta em 1999.A mostra também é um tira-gosto para o mais aguardado lançamento de cinema brasileiro sobre futebol - Pelé Eterno, de Aníbal Massaini Neto, um documentário com mais de 50 gols inéditos do maior jogador de todos os tempos, que deve estrear em março.Serviço: Mostra Futebol na Lata, Centro Cultural Banco do Brasil, Rua Álvares Penteado, 112, Centro - Telefone (11) 3113-3651. Do dia 10 a 22, das 16h às 20h. Ingressos: R$ 4 e R$ 2 (meia)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.