Ceará acaba com a invencibilidade da Chapecoense

O Ceará ganhou de virada da Chapecoense, por 3 a 1, na noite desta terça-feira, na Arena Castelão, em Fortaleza, pela 11ª rodada da Série B do Brasileiro. Assim, derrubou o último invicto do campeonato, provocando a primeira derrota do time catarinense, que vinha de sete vitórias e dois empates nos nove jogos que tinha disputado até então.

AE, Agência Estado

30 de julho de 2013 | 22h00

Com a derrota, a Chapecoense ficou estacionada nos 23 pontos. O Ceará, por sua vez, passou a ter 13 pontos, escapando da zona de rebaixamento, e deu uma sobrevida ao técnico Sérgio Guedes.

A Chapecoense começou o jogo no ataque e abriu o placar logo na sua primeira chance. Após cobrança de escanteio, Fabinho Alves completou para o fundo das redes ainda no minuto inicial. Mas a reação do Ceará foi instantânea.

Aos cinco minutos, o Ceará já deixou tudo igual. Após cruzamento rasteiro na área, Léo Gamalho, que fez sua estreia na equipe, completou para o gol. Na comemoração, ele tentou saltar o painel de publicidade e escorregou, tomando um tombo.

A virada não demorou a sair. Aos 12 minutos, com um forte chute de fora da área, Magno Alves acertou o ângulo de Nivaldo, sem chance de defesa. O Ceará fez o terceiro aos 16, após cruzamento que Anderson Marques testou para o fundo das redes.

Depois do forte início, os dois times cadenciaram o jogo. A Chapecoense teve mais posse de bola, mas o Ceará priorizou a marcação e segurou a vitória.

O Ceará volta a campo na sexta-feira, quando enfrenta o América-MG em Belo Horizonte. E a Chapecoense joga no sábado, contra o Sport, no Recife.

FICHA TÉCNICA:

CEARÁ 3 x 1 CHAPECOENSE

CEARÁ - Fernando Henrique; Marcos, Diego Ivo, Anderson Marques e Vicente; Eusébio, João Marcos, Ricardinho e Rogerinho (Luiz Henrique); Léo Gamalho (Romário) e Magno Alves (Adriano Pardal). Técnico - Sérgio Guedes.

CHAPECOENSE - Nivaldo; Glaydson (Danilinho), Rafael Lima, Dão e Anderson Pico; Wanderson (Tiago Luís), Augusto, Paulinho Dias e Athos (Soares); Fabinho Alves e Bruno Rangel. Técnico - Gilmar Dal Pozzo.

GOLS - Fabinho Alves, a 1, Léo Gamalho, aos 5, Magno Alves, aos 12, e Anderson Marques, aos 16 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Arilson Bispo da Anunciação (BA).

CARTÕES AMARELOS - Ricardinho, Eusébio e Léo Gamalho (Ceará); Rafael Lima e Anderson Pico (Chapecoense).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Arena Castelão, em Fortaleza (CE).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BCearáChapecoense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.