Stephan Eilert/ Ceará SC
Stephan Eilert/ Ceará SC

Ceará bate Avaí em jogo com quase 1 hora de atraso e respira no Brasileirão

Time alvinegro pula para a primeira metade da tabela e deixa rival catarinense para trás

Redação, O Estado de S.Paulo

20 de julho de 2022 | 01h14

Num confronto que começou com 47 minutos de atraso, o Ceará bateu o Avaí na noite desta terça-feira, por 1 a 0, na Arena Castelão, em Fortaleza, na abertura da 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. O experiente Vina marcou o único gol da partida ainda no primeiro tempo.

Foi a segunda vitória consecutiva do Ceará, que assumiu a décima posição, agora com 24 pontos e se afastando ainda mais da zona de rebaixamento. Já o Avaí voltou a tropeçar e caiu para 13º, com 21 pontos, devendo perder mais posições até o final da rodada.

O duelo estava programado para as 21h30, mas teve seu início adiado por 47 minutos, já que houve apagão de alguns refletores do estádio. O detalhe é que esta foi a terceira vez que o local tem este mesmo problema na temporada.

Com bola rolando, o Ceará foi ligeiramente melhor, mas também viu o Avaí ter oportunidade de gol. Logo aos 12 minutos, Lima cruzou na área e Mendoza, sem marcação, cabeceou para fora, perdendo a primeira grande chance do time nordestino.

O Avaí foi mais cauteloso e apostou na velocidade do seu ataque para sair na frente do placar. E isso quase aconteceu aos 18 minutos, quando William Pottker roubou bola da defesa, invadiu a área e cruzou rasteiro. A bola passou pela marcação e por Eduardo, que não marcou.

A partida caminhava para o final, até que brilhou a estrela do experiente Vina. Aos 47 minutos, após cobrança de falta ensaiada, o meia encheu o pé e acertou o ângulo do goleiro Vladimir, que ainda tocou na bola antes de ela parar no fundo das redes.

No segundo tempo, o Avaí mudou a postura, foi ao ataque e criou chances de empatar. Aos 20 minutos, Bissoli saiu da área e cruzou para William Pittker, de peixinho, cabecear pela linha de fundo. A bola passou muito perto do travessão de João Ricardo.

A partida ficou mais agitada e os dois times acertaram a trave. Aos 27, Vitinho apareceu entre os zagueiros do Ceará e mandou no poste direito de João Ricardo. Os donos da casa responderam no minuto seguinte em Mendoza, em chute por baixo de Vladimir.

Só que os times perderam intensidade no final da partida e não tiveram mais forças de buscar a vitória, tornando o confronto com chutões, faltas e passes errados. Melhor para o Ceará, mais distante do Z4.

O Ceará volta a campo no domingo para enfrentar o Juventude, às 16 horas, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul. No mesmo dia, o Avaí receberá o Flamengo, às 11 horas, na Ressacada, em Florianópolis.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 1 X 0 AVAÍ

CEARÁ - João Ricardo; Nino Paraíba, Messias, Luiz Otávio e Bruno Pachedo; Richard Coelho (Rodrigo Lindoso), Richardson (Fernando Sobral), Mendoza, Lima (Matheus Peixoto) e Vina; Zé Roberto (Iury Castilho). Técnico: Marquinhos Santos.

AVAÍ - Vladimir; Kevin, Bressan, Rafael Vaz e Natanael; Lucas Ventura (Vitinho), Eduardo (Nathan), Jean Cléber (Jean Pyerre) e Renato (Marcinho); Bissoli (Vinicius Jaú) e William Pottker. Técnico: Eduardo Barroca.

GOL - Vina, aos 47 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Caio Max Augusto Vieira (RN).

CARTÕES AMARELOS - Lucas Ventura e Vitinho (Avaí).

PÚBLICO - 37.541 pagantes.

RENDA - R$ 322.708,00.

LOCAL - Arena Castelão, em Fortaleza (CE).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.