Flickr Oficial / Ceará
Flickr Oficial / Ceará

Ceará busca fim de jejum em duelo contra Bahia pela semifinal da Copa do Nordeste

Equipe baiana terá a estreia do técnico Enderson Moreira na semifinal do torneio regional

Estadão Conteúdo

21 Junho 2018 | 08h06

Uma semana após a paralisação do Campeonato Brasileiro, o Ceará vai ter a oportunidade de fazer as pazes com a vitória antes do final da Copa do Mundo na Rússia. Nesta quinta-feira, a partir das 21h45, vai enfrentar o Bahia, em jogo válido pela rodada de ida das semifinais da Copa do Nordeste, na Arena Castelão, em Fortaleza. A partida também marcará a estreia do técnico Enderson Moreira, ex-América-MG, no comando do time baiano no lugar de Guto Ferreira.

Copa do Nordeste terá novo formato em 2019 e campeão receberá R$ 1 mi

Chegar à final da Copa do Nordeste e conquistar o título pode amenizar as campanhas ruins que os dois times fazem no Brasileirão - ambos estão na zona do rebaixamento. O Ceará como lanterna, com apenas cinco pontos, e o Bahia em 17.º lugar, com 12. A outra semifinal começou a ser disputada na última terça-feira com a vitória do Sampaio Corrêa por 1 a 0 sobre o ABC, em São Luis. Agora o time maranhense joga pelo empate na volta, em Natal.

O Ceará não vence há 14 jogos disputados nos últimos dois meses. A vitória mais recente na temporada aconteceu no dia 18 de abril, quando bateu o rival Fortaleza por 2 a 1 no segundo jogo da final do Campeonato Cearense e sagrou-se campeão.

Na própria Copa do Nordeste, o time alvinegro avançou à semifinal sem nenhuma vitória nas quartas de final. Em dois jogos contra o CRB, empatou por 3 a 3, em Maceió, e por 0 a 0, em Fortaleza, avançando por causa dos gols marcados fora de casa, que contam como critério de desempate.

O Bahia, por sua vez, avançou depois de uma vitória por 2 a 1 sobre o Botafogo-PB, em João Pessoa, e um empate sem gols em Salvador. Assim como o seu adversário, o time baiano vive um jejum, uma vez que não vence nenhuma partida fora de casa desde 26 de abril, data do triunfo do primeiro jogo das quartas de final.

PREPARAÇÃO

Sem a intenção de fazer mudanças radicais no Bahia logo em sua estreia, Enderson Moreira vai manter a base do time que vinha disputando o Brasileirão. O único desfalque será o goleiro Douglas, que se recupera de lesão e será substituído por Anderson. "A gente pode modificar de maneira gradativa. Não acho que as coisas têm que acontecer do meu jeito já neste jogo", argumentou.

Do lado do Ceará, o técnico Lisca terá uma série de desfalques. Ele não poderá conta com o zagueiro Luiz Otávio, suspenso, além do atacante Éder Luis, do volante Fabinho e dos laterais Samuel Xavier e João Lucas, que chegaram após o prazo de inscrições para a competição. As baixas ainda incluem Wescley, Richardson, Arthur, Valdo e Juninho, todos entregues ao departamento médico.

Como de costume, Lisca não revelou a escalação oficial. Desta vez ele tem muitas razões para fazer mistério, afinal vai até a última hora esquentar a cabeça para encontrar a melhor formação.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.