Ceará perde de novo e pode deixar quinta posição na Série B

Mesmo jogando em casa e agora com PC Gusmão no comando, time alvinegro é derrotado pelo Santa Cruz pelo placar de 2 a 0

Estadão Conteúdo

25 de outubro de 2014 | 00h08

O Ceará segue em queda livre na Série B do Campeonato Brasileiro. Na estreia de PC Gusmão como novo treinador, o time cearense conheceu a terceira derrota seguida ao perder para o Santa Cruz por 2 a 0, na Arena Castelão, em Fortaleza, nesta sexta-feira, pela 32.ª rodada.

Mesmo com o resultado ruim, o Ceará segue em quinto lugar, com 50 pontos, mas pode ser ultrapassado no complemento da rodada neste sábado. Já o Santa Cruz subiu para o sétimo lugar com 48 pontos, com um jogo a menos que o adversário.

Ainda se acostumando com a chegada do novo treinador que substituiu Sérgio Soares, o Ceará teve dificuldades no começo da partida e sofreu pressão nos primeiros minutos. Ainda tentando se encontrar no jogo, o time cearense saiu atrás do marcador. Aos 11 minutos, Tony tentou o cruzamento, a bola desviou em Helder no meio do caminho, surpreendeu o camisa 1 Luís Carlos, que estava saindo para o meio da área para fazer o corte, e morreu no fundo das redes.

Mesmo com o placar adverso, o time da casa não sentiu a pressão e foi para cima em busca do empate. PC Gusmão pediu calma aos seus jogadores na beira do campo, pois os mandantes deram bastante espaço no campo de defesa. Pelo lado direito, Tony criou as melhores chances.

Já debaixo de muitas vaias, o Ceará conseguiu crescer no final da etapa e o goleiro Tiago Cardoso apareceu bem. O camisa 1 fez grandes intervenções em chutes de Magno Alves. Com 1 a menos, após a expulsão de Tony, o time pernambucano precisou se segurar para levar a vitória.

Na volta dos vestiários, o Santa Cruz sentou em cima do resultado e fez um bloqueio na frente da área. Quando o time cearense conseguia encontrar espaço, Tiago Cardoso estava lá para evitar o gol. Tocando a bola em busca de espaço, o Ceará acabou perdendo o volante João Marcos, expulso por falta violenta.

Com a igualdade, o time pernambucano saiu mais ao ataque e ampliou aos 42 minutos. Adilson, que havia acabado de entrar, recebeu passe de Wescley e, mesmo escorregando na hora do chute, mandou para o fundo das redes.

O Santa Cruz volta a campo contra o Vila Nova, nesta terça, às 19h30 (de Brasília), no estádio do Arruda, no Recife, em jogo atrasado da 31.ª rodada. No outro sábado, dia 1.º de novembro, o Ceará visita o Luverdense, às 21 horas (de Brasília), no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (MT).

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 0 x 2 SANTA CRUZ

CEARÁ - Luís Carlos; Samuel Xavier, Diego Ivo, Anderson e Helder Santos (Marcos); João Marcos, Eduardo (Lulinha), Ricardinho e Nikão (Robinho); Magno Alves e Bill. Técnico: PC Gusmão.

SANTA CRUZ - Tiago Cardoso; Tony, Alemão, Renan Fonseca e Tiago Costa; Sandro Manoel, Bileu, Wescley (Alberto) e Danilo Pires; Keno (Adilson) e Léo Gamalho (Cassiano). Técnico: Oliveira Canindé.

GOLS - Tony, aos 10 minutos do primeiro tempo; Adilson, aos 42 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Samuel Xavier, Ricardinho e Robinho (Ceará); Bileu (Santa Cruz).

CARTÕES VERMELHOS - João Marcos (Ceará); Tony (Santa Cruz).

ÁRBITRO - Marcelo Aparecido de Souza (SP).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Arena Castelão, em Fortaleza (CE).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BCearáSanta Cruz

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.